Publicidade

  Clique e coloque o site em seus favoritos Faça parte de nossa Orkut Facebook Twitter
u v f no

 

cont
22 de Outubro de 2017

Home
:: Página Inicial
:: Cadastre-se!
:: Agenda
:: Eventos
:: Chat Online
:: Vídeos
:: Mural de Recados
:: Notícias
:: Classificados
:: Fale Conosco
:: Flayer da Baladas
O Portal
:: Quem Somos
:: Membros
:: Anuncie
:: Termos de Uso


Aniversariantes 
01/10 - jessé
04/10 - Isabela Leite
09/10 - isaac reynan soares alves
09/10 - isaac reynan soares alves
10/10 - gabriel
19/10 - Edson Tadeu Rodrigues
21/10 - jamille
23/10 - JOYCE DE ARAÚJO COSTA
24/10 - samuel balbino
28/10 - Claudio Lauriano da Silva
29/10 - Silvio Ribeiro
Estatísticas  
56614 visitantes
6455 fotos
75 eventos
329 membros
    Publicidade

noticia
Portal SB - EM BREVE MUITAS NOVIDADES !
Seu Site Na Net

 Foi aprovado nesta quarta-feira (16), na Comissão de Meio Ambiente da Câmara dos Deputados a realização de uma audiência pública para debater a contaminação por agrotóxicos no lago de Sobradinho, na Bahia.

A Embrapa Semiárido já havia alertado que em vários pontos do Lago, formado pela Barragem de Sobradinho, a água do rio São Francisco que banha os quatro municípios baianos (Sobradinho, Sento Sé, Remanso e Casa Nova), apresenta indícios de contaminação por resíduos químicos e biológicos. Amostras coletadas em 27 pontos diferentes e em períodos de maior e menor cota do Lago, identificaram metais pesados, coliformes fecais e substâncias químicas na água em proporções acima da permitida pela legislação brasileira.

O ex-deputado Edson Duarte, um dos coordenadores da bancada verde da Câmara, falou por telefone ao radialista Geraldo José na Transamérica FM sobre a audiência e o monitoramento da água do Lago de Sobradinho. “Esse estudo foi realizado pela Embrapa em parceria com a Chesf, e o resultado desse monitoramento não é surpresa. A presença de coliformes fecais se explica, certamente, pelo não tratamento dos esgotos que tem sido carreado in natura para dentro do Rio São Francisco ao longo de todo o seu curso, em cidades muito próximas a sua margem”, explicou Edson Duarte.

Edson alertou também para outro problema grave, a contaminação da água do Lago em decorrência da presença de metais pesados, encontrados em agrotóxicos, muito utilizados nos cultivos de cebola.  “Isso se explica pela agricultura irrigada intensiva ao longo do rio, especialmente com a cebola de vazante que se planta quando o lago baixa, e usa-se bastante agrotóxico e produtos químicos, e quando o lago enche, lava-se essa terra, carreando esses metais pesados para dentro do lago, contaminando durante anos. O que mais temos visto hoje são doenças, em criança principalmente, resultado da qualidade da água que estamos consumindo. Essa audiência foi solicitada para que se esclareça a intensidade dessa contaminação, e quais são os contaminantes e sua origem, e principalmente as providências adotadas para evitar maiores consequências à saúde da população”, alertou.

A bancada do PV entrou com o requerimento, de autoria do líder do Partido, o deputado Sarney Filho, solicitando um debate no Congresso com a participação da Embrapa, da Chesf e de órgãos de monitoramento ambiental. O presidente da Comissão de Meio Ambiente, o deputado Penna (PV-SP) já se reuniu com membros da Embrapa para definir a data da realização da audiência pública.

 

Geraldo Jose

Comentários
Seu email:
Sua Senha:
Não sou Cadastrado

 

    Agenda

nenhum registro encontrado!
    Publicidade
 
       
Orkut   MSN   Facebook   YouTube   Twitter

Copyright © 2013 - http://portalsb.net/ -